quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Mudança de comportamento

Há algumas semanas atrás eu conversava animadamente com minha sogra, contando que estava feliz por causa dos pedidos de crochê e tear que estava recebendo. Ela, então, me perguntou com extrema naturalidade se o Marcelo já havia aprendido a fazer crochê para me ajudar. Respondi a ela que ele não havia se rendido à prática do artesanato, limitando-se apenas a me ajudar com embalagens, propaganda e opiniões. Ela, por sua vez, indignada, me perguntou O PORQUÊ de seu filho não estar me ajudando a confeccionar as peças, já que muitos homens fora do país se dedicam ao crochê, tricô, etc, que não há mal algum nisso e que eu deveria colocá-lo SIM para crochetar em suas horas vagas, assim como eu faço!!! Essa é minha sogra...!!!

Ao comentar com ele sobre esse assunto vocês podem imaginar qual foi a resposta, não é?!?

Quem recusaria um Adriano só pelo fato do moço crochetar?

Fiquei com essa idéia na cabeça.

Às vezes não paramos pra pensar na dimensão do preconceito na cabeça das pessoas...

E lá fui eu fuçar a respeito no Google ( lógico!)!
Foi lá que encontrei o vídeo Mudança de Comportamento, uma matéria exibida em 16/06/2006, no tradicional Globo Repórter.

Ainda não mostrei esse vídeo ao Marcelo. Esperarei um dia em que ele esteja aberto a novas idéias, novas experiências... Ou que eu esteja de mau- humor!
Valeu pela dica, sogra!!!
Beijinhozzzz...

Um comentário:

Natty Lioness disse...

Na foto é o Marcelo? quero namora ele... puxa maior gato!

Beijo
sofia